Biblioteca da Fundação para a Ciência e a Tecnologia Library of Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Biblioteca da FCT

A Biblioteca da FCT, composta por quatro coleções, coloca à disposição dos seus leitores um importante conjunto de recursos de informação essencialmente vocacionados para a história das políticas de ciência e tecnologia no contexto nacional e internacional, no século XX. FCT’s library makes its holdings available for researchers interested in information resources essentially focused on the history of science and technology policies within a national and international context, in the XXth century.

A Coleção da FCT é constituída por periódicos e monografias, especializadas em gestão e políticas de ciência e tecnologia, história institucional, e ainda em disciplinas como a história das ciências e das tecnologias. A coleção inclui também edições dos extintos Instituto Nacional de Investigação Científica (INIC) e Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica (JNICT), obras que abrangem um leque muito variado de temas e áreas científicas. The library collection features journals, monographs, books and various other publication types on management and policies of science and technology, institutional history and history of science and technology.

Pode também ser consultada a Coleção Planos de Fomento e a Biblioteca David Ferreira que é constituída pela Coleção Augusto Pires Celestino da Costa e Coleção José Francisco David Ferreira. FCT’s library holds as well a collection of editions published by the extinct National Institute of Scientific Research (INIC) and National Board of Scientific and Technological Research (JNICT). These books comprise a wide range of scientific fields and are also available for consultation.

Os nossos livros...

Our books...

Sugestões de leitura Reading suggestions

O homem mais rico do mundo por Jonathan Colin. O homem mais rico do mundo por Jonathan Colin.

Conforme nos sugere o subtítulo deste livro - as muitas vidas de Calouste Gulbenkian - o autor Jonathan Colin brinda-nos com a biografia de uma das figuras mais enigmáticas da história do século XX, baseada na informação dos arquivos da Fundação Gulbenkian e apresentada no aniversário dos 150 anos do seu nascimento. Conforme nos sugere o subtítulo deste livro - as muitas vidas de Calouste Gulbenkian - o autor Jonathan Colin brinda-nos com a biografia de uma das figuras mais enigmáticas da história do século XX, baseada na informação dos arquivos da Fundação Gulbenkian e apresentada no aniversário dos 150 anos do seu nascimento.

Calouste Sarkis Gulbenkian morreu em Lisboa em 1955, aos 86 anos e era conhecido como o Senhor Cinco por Cento. Em Portugal, assim como no mundo, o seu nome estará sempre associado ao mecenato e à maior e mais importante coleção privada de arte do país, exposta na Fundação com o seu nome. Calouste Sarkis Gulbenkian morreu em Lisboa em 1955, aos 86 anos e era conhecido como o Senhor Cinco por Cento. Em Portugal, assim como no mundo, o seu nome estará sempre associado ao mecenato e à maior e mais importante coleção privada de arte do país, exposta na Fundação com o seu nome.

A riqueza que obteve ao longo da vida provinha dos negócios do petróleo e acordos de alto nível que mediou entre governos e barões do petróleo. O autor defronta-se com o carácter quase mítico de Calouste Gulbenkian, esmiuçando a vida e os negócios de um dos homens mais proeminentes do seu tempo. A riqueza que obteve ao longo da vida provinha dos negócios do petróleo e acordos de alto nível que mediou entre governos e barões do petróleo. O autor defronta-se com o carácter quase mítico de Calouste Gulbenkian, esmiuçando a vida e os negócios de um dos homens mais proeminentes do seu tempo.

Monstros fabulosos por Alberto Manguel. Monstros fabulosos por Alberto Manguel.

Em Monstros fabulosos o autor Alberto Manguel recupera 38 criações literárias e ao falar desta ou daquela figura também fala do mundo em que vivemos, das notícias que nos assustam e das injustiças que se perpetuam, confirmando a intemporalidade deste livro. Em Monstros fabulosos o autor Alberto Manguel recupera 38 criações literárias e ao falar desta ou daquela figura também fala do mundo em que vivemos, das notícias que nos assustam e das injustiças que se perpetuam, confirmando a intemporalidade deste livro.

Na infância algumas personagens de livros passam a integrar a vida de quem gosta de ler. Neste livro, o bibliófilo Alberto Manguel apresenta, com erudição e humor, muitas das suas personagens preferidas, desde Alice de Lewis Carrol ao Mandarim de Eça de Queirós, do Super-Homem ao Drácula, d’A Bela Adormecida ao Quasimodo, de Monsieur Bovary ao Wakefield, estas são muitas outras vidas (e formas de ver e entender o mundo) que cada leitor pode viver. Na infância algumas personagens de livros passam a integrar a vida de quem gosta de ler. Neste livro, o bibliófilo Alberto Manguel apresenta, com erudição e humor, muitas das suas personagens preferidas, desde Alice de Lewis Carrol ao Mandarim de Eça de Queirós, do Super-Homem ao Drácula, d’A Bela Adormecida ao Quasimodo, de Monsieur Bovary ao Wakefield, estas são muitas outras vidas (e formas de ver e entender o mundo) que cada leitor pode viver.

Com ilustrações do autor este livro desafia cada leitor a explorar as suas relações pessoais com este tipo de «monstros» imortais e amorosos e com o tanto que estes transportam em si da condição humana. Com ilustrações do autor este livro desafia cada leitor a explorar as suas relações pessoais com este tipo de «monstros» imortais e amorosos e com o tanto que estes transportam em si da condição humana.