Biblioteca da Fundação para a Ciência e a Tecnologia Library of Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Biblioteca da FCT

A Biblioteca da FCT, composta por quatro coleções, coloca à disposição dos seus leitores um importante conjunto de recursos de informação essencialmente vocacionados para a história das políticas de ciência e tecnologia no contexto nacional e internacional, no século XX. FCT’s library makes its holdings available for researchers interested in information resources essentially focused on the history of science and technology policies within a national and international context, in the XXth century.

A Coleção da FCT é constituída por periódicos e monografias, especializadas em gestão e políticas de ciência e tecnologia, história institucional, e ainda em disciplinas como a história das ciências e das tecnologias. A coleção inclui também edições dos extintos Instituto Nacional de Investigação Científica (INIC) e Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica (JNICT), obras que abrangem um leque muito variado de temas e áreas científicas. The library collection features journals, monographs, books and various other publication types on management and policies of science and technology, institutional history and history of science and technology.

Pode também ser consultada a Coleção Planos de Fomento e a Biblioteca David Ferreira que é constituída pela Coleção Augusto Pires Celestino da Costa e Coleção José Francisco David Ferreira. FCT’s library holds as well a collection of editions published by the extinct National Institute of Scientific Research (INIC) and National Board of Scientific and Technological Research (JNICT). These books comprise a wide range of scientific fields and are also available for consultation.

Os nossos livros...

Our books...

Sugestões de leitura Reading suggestions

Foi sem querer que te quis de Raul Minh’Alma Foi sem querer que te quis Raul Minh’Alma

O romance Foi sem querer que te quis mostra-nos que quando menos esperamos, a vida traz-nos aquilo que tentamos rejeitar e, ao mesmo tempo, procura dar a receita para se alcançar a felicidade no amor. O romance Foi sem querer que te quis mostra-nos que quando menos esperamos, a vida traz-nos aquilo que tentamos rejeitar e, ao mesmo tempo, procura dar a receita para se alcançar a felicidade no amor.

Conta a história de Beatriz e Leonardo, a forma como os dois se cruzam, como os seus caminhos se interligam, e as mudanças que ocorrerão nos dois, que os tornarão pessoas melhores e mais preparadas para amar. Conta a história de Beatriz e Leonardo, a forma como os dois se cruzam, como os seus caminhos se interligam, e as mudanças que ocorrerão nos dois, que os tornarão pessoas melhores e mais preparadas para amar.

É uma história que surpreende o leitor, que nos prende da primeira à última página e que redefine o significado de amor que tínhamos até hoje. Faz-nos pensar, obriga-nos a ponderar os nossos atos que resultam bagagem que carregamos enquanto avançamos nas relações interpessoais. É uma história que surpreende o leitor, que nos prende da primeira à última página e que redefine o significado de amor que tínhamos até hoje. Faz-nos pensar, obriga-nos a ponderar os nossos atos que resultam bagagem que carregamos enquanto avançamos nas relações interpessoais.

Nada no amor é por acaso de Eduardo Sá Nada no amor é por acaso de Eduardo Sá

Este romance reflete uma história transversal em que o amor está presente com grande intensidade no qual as impressões de quem escreve se confundem com quem lê. É um labirinto, onde se desenham encontros e fugas sempre com a persistência do amor, que cai e se levanta. Este romance reflete uma história transversal em que o amor está presente com grande intensidade no qual as impressões de quem escreve se confundem com quem lê. É um labirinto, onde se desenham encontros e fugas sempre com a persistência do amor, que cai e se levanta.

O autor lembra-nos que quase tão difícil como nos entregarmos ao amor é conseguir não o fazer. Através dos olhos de um psicólogo que gostava de trocar pílulas por histórias, que escuta os sonhos e dramas de quem o procurava, o passado que acumularam com o qual não conseguem lidar sem ajuda. O autor lembra-nos que quase tão difícil como nos entregarmos ao amor é conseguir não o fazer. Através dos olhos de um psicólogo que gostava de trocar pílulas por histórias, que escuta os sonhos e dramas de quem o procurava, o passado que acumularam com o qual não conseguem lidar sem ajuda.

O ser humano é o resultado de todas as suas histórias, mas é também frágil consciente que o amor não é normal. De início, é um espanto, uma surpresa, uma espécie de dádiva que nos deixa, humildes, gratos e entontecidos. Depois, é uma escolha. Que nos remexe e desarruma. O ser humano é o resultado de todas as suas histórias, mas é também frágil consciente que o amor não é normal. De início, é um espanto, uma surpresa, uma espécie de dádiva que nos deixa, humildes, gratos e entontecidos. Depois, é uma escolha. Que nos remexe e desarruma.